Vernissage da Ação Social do Contestado apresenta trabalhos e valores

Sinal Admirável. O Significado e o valor do presépio, segundo o papa Francisco
17 de dezembro de 2019
Bispo Dom Severino Clasen deixa mensagem para o Natal e Ano Novo: É tempo de reflexão, é tempo de paz
20 de dezembro de 2019

Vernissage da Ação Social do Contestado apresenta trabalhos e valores

Uma noite para ficar marcada na vida de cerca de 300 crianças e adolescentes. Assim foi a sexta-feira, dia 13 de dezembro, para familiares, alunos e professores do Projeto Portal do Futuro, executado em parceria com a Ação Social do Contestado (ASC) e Fundação Weiss Scarpa em Lebon Régis. Eles prestigiaram a 2ª Vernissage de 2019 que contou com apresentações culturais, entre elas teatro, dança, música e práticas esportivas; exposição de trabalhos artesanais e entrega de certificados de conclusão dos cursos de Informática Básica (2 turmas) e Operador de Tecnologias Digitais e Redes Sociais, os quais tiveram início em junho.

A Vernissage é o evento cultural que reúne artistas, pintores, músicos e bailarinos das oficinas socioeducativas desenvolvidas pelo projeto. Acontece semestralmente com a finalidade de apresentar as obras de arte e os trabalhos realizados para a comunidade.

A satisfação de um professor: “Não caibo em mim, tamanha é minha alegria e felicidade”

O encerramento dos trabalhos de 2019 também trouxe um sentimento de satisfação, alegria e dever cumprido para os professores. O professor Jilson é um deles. Ele faz um relato emocionado sobre uma de muitas conquistas que o projeto proporcionou. “Hoje 13 de dezembro, vivo uma grande emoção em minha história de operário da educação. A mãe de dois estudantes do Curso de Operadores/as de Tecnologias Digitais e Redes Sociais, veio me agradecer pela forma que tratei o filho e a filha dela durante o curso, também relatou o respeito e o carinho que os dois tem para comigo. A mãe também me agradeceu por ter orientado e preparado os estudantes para participarem do processo seletivo do jovem aprendiz de uma empresa do município do Trombudo do Contestado (Lebon Régis), e informou-me com muita felicidade que o filho foi o escolhido para a vaga. Não caibo em mim, tamanha é minha alegria e felicidade, pelo relato dessa mãe e por ter de alguma forma contribuído com a conquista desse estudante. Agradeço aos estudantes pela caminhada, a coordenação e outros educadores da Ação Social do Contestado, obrigado por permitirem que eu faça parte da história de vida de vocês”.

Avaliação e perspectivas

O padre Marcio Martins Rosa, presidente da ASC salienta a relevância do projeto para a inclusão das crianças e adolescentes no meio social, através das atividades e dá ênfase à Vernissage. “Para nós se trata de um momento muito importante do ano, para interagirmos com a comunidade, com as famílias, com os envolvidos no nosso projeto e com aqueles que colaboram para que ele seja possível. Tivemos um ótimo público, excelente participação das famílias e isso demonstra a importância desse trabalho para eles”, destaca.

Para o padre a avaliação das ações desenvolvidas em 2019 é positiva. “Ficamos contentes com o que realizamos ao longo desse ano com as crianças, com os adolescentes e com o comprometimento dos professores. Em 2019 cerca de 450 crianças e adolescentes passaram pelos nossos projetos. É um número bastante expressivo e motivo de muita felicidade ter essa meta alcançada”, comemora.

Para 2020,o presidente da ASC confirma que o projeto terá continuidade,inclusive com novidades.“Já estamos com o projeto aprovado junto ao Conselho da Criança e do Adolescente do município e estamos na fase de captação de recursos junto à empresas e pessoas físicas, mediante a contribuição da dedução do imposto de renda. Também estamos pedindo a contribuição para a manutenção dos custos fixos das atividades. Toda ajuda é bem-vinda. E se Deus quiser em 2020 estaremos executando alguns cursos a mais na linha de informática, na linha de profissionalização para os adolescentes e também com as oficinas sócio educativas para crianças e adolescentes”.

“Fica o nosso muito obrigado aos nossos parceiros, a Fundação Weiss Scarpa, a Diocese de Caçador que é mantenedora do nosso projeto, a Paróquia Santo Antônio, a Prefeitura de Lebon Régis e todas as instituições envolvidas no nosso trabalho. Agradecemos a todos que colaboraram conosco e esperamos que o ano de 2020 venha cheio de realizações. Que possamos continuar somando forças com o município, com as escolas, com as famílias para poder gerar oportunidades para nossas crianças”, completa.

ASC: História e Missão – A Ação Social do Contestado (ASC) é uma organização da sociedade civil que tem como principal linha de atuação a promoção humana e o enfrentamento da desigualdade social. Nasceu da iniciativa da Diocese de Caçador, no dia 14 de dezembro de 2015.

Assumiu como missão atuar na formação humana de crianças, adolescentes, jovens, adultos, gestantes, idosos, das famílias e comunidades, fortalecendo e unificando ações de promoção dos direitos sociais, na construção de uma sociedade justa, solidária, fraterna, sustentável e plural.

O atendimento é voltado para crianças e adolescentes entre 6 e 17 anos do município de Lebon Régis e é realizado de forma totalmente gratuita.

Projeto Portal do Futuro – Executado pela Fundação Weiss Scarpa e Ação Social do Contestado com recursos do Fundo da Infância e da Adolescência (FIA), obtidos através de dedução do imposto de renda de pessoas físicas e jurídicas.

 

Texto e fotos: Elaine Karch de Almeida

Pastoral da Comunicação/Diocese de Caçador

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

X